terça-feira, 5 de outubro de 2010

quadragésima primeira.

Você é minha esfinge e abriu mão de me inquirir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário